No dia 1º de novembro o novo website da Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Campinas (Transurc) ultrapassou o número de 1 milhão de acessos. Recriado com um conceito diferente do anterior, a página foi ao ar em 20 de maio de 2011 e ganhou visual mais limpo, que facilita a navegação e prioriza as informações mais importantes para os clientes da associação.
“A recarga on-line do Bilhete Único Comum e Vale-Transporte ganharam destaque. Dessa forma, o website ficou mais vinculado com a missão da associação, que é a venda de passes para ônibus urbanos”, conta Paulo Barddal, diretor de Comunicação e Marketing da Transurc.
Assim a associação conseguiu dissociar a ideia errônea que muitas pessoas têm sobre o papel da Transurc na comunidade. “Diferentemente do que muitos pensam, a Transurc não tem ônibus e também não é responsável pelos itinerários e pelas linhas do sistema de transporte coletivo da cidade, que são de competência da Emdec”, comenta o diretor.
Este fato pode ser comprovado pelos números do site: antes da implantação do novo sistema, as buscas por “linhas de ônibus em Campinas”, “horários de ônibus em Campinas” e “ônibus em Campinas” figuravam entre as dez palavras-chave que mais encaminhavam usuários dos mecanismos de busca (como o Google) para o site da Transurc. Atualmente, destas três anteriores, apenas a busca por “ônibus em Campinas” figura entre essas dez palavras-chave. Ao mesmo tempo, palavras como “Transurc saldo” e “saldo do Bilhete Único” passaram a figurar entre as mais procuradas.
“O tráfego de pesquisa, como é conhecido o número de visitantes que acessam uma página na web por meio de um site de busca, representa 59% das visitas do nosso website. Perceber que a população está desvinculando a Transurc de horários e linhas de ônibus é sinal de que o trabalho de conscientização que a associação tem feito está dando resultado”, comemora Barddal.
Os visitantes – do website da Transurc ficam, em média, 1,54 minuto navegando pelo portal e acessam, em média, 2,21 páginas a cada visita. Deste tráfego, 19,4% visitam a página de Saldo do Cartão, 13,7% a de Compre Passe e 2,5% a de Localização, Vendas e Recarga.
Outro número que chama a atenção é a localização geográfica das pessoas que acessam a página: 71,2% estão em Campinas-SP, 7,9% em São Paulo-SP, 1,9% em Sorocaba-SP, 1,6% em Piracicaba-SP, 1,4% em Americana-SP e 1,2% no Rio de Janeiro-RJ.
O Transurc Mobile – também apresenta crescimento. A plataforma foi lançada em 1º de agosto de 2011 para suprir as necessidades das pessoas que acessam o website da Transurc pelo celular e já representa 2,2% do total de acessos.
“O usuário que acessar o site da Transurc por meio do celular ou tablet será redirecionado automaticamente para a versão móvel da página (m.transurc.com.br)”, completa Barddal.
Esses usuários passam, em média, 1,27 minuto navegando e visitam 1,6 página. Interessante verificar que os dois dispositivos que mais foram utilizados para acessar o Transurc Mobile até hoje foram o iPhone e o iPad, ambos da empresa norte-americana Apple.