Associação reuniu representantes do setor em Brasília e propôs o uso das faixas exclusivas como medida de curto prazo para melhorar deslocamentos por ônibus urbano

Na manhã de quarta-feira (6) a Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) lançou uma campanha nacional para chamar a atenção da sociedade e do poder público sobre as vantagens do uso da faixa exclusiva de ônibus como solução para um dos maiores problemas enfrentados pelo cidadão nos deslocamentos diários – a demora no trajeto feito por meio de  transporte público. Na ocasião, foi lançada também uma publicação preparada pela entidade, com intuito de despertar o interesse dos prefeitos de 46 municípios para a importância da implantação de faixas exclusivas como medida de curto prazo. Ao mesmo tempo, foi anunciado campanhas publicitárias para reforçar a sugestão, em parceria com o Movimento pelo Direito ao Transporte Público de Qualidade para Todos (MDT).

O presidente executivo da NTU, Otávio Cunha, fez um apelo ao governo federal, para que seja parceiro na divulgação dessa campanha, contribuindo com o montante de R$ 5 bilhões para implantar 4 mil km de faixas exclusivas nos 46 municípios, em até 12 meses. “As faixas vão gerar economia de tempo, de gastos com combustíveis, menos poluição, redução de acidentes, e devem trazer, por consequência, outros benefícios, como um sistema eficiente de informações sobre o percurso, de linhas, de rotas e de horários, com fiscalização eletrônica”, destacou Cunha. E acrescentou que no rol de melhorias também estão incluídas, nessa proposta, benfeitorias nos pontos de paradas e calçadas. “Teremos ainda um ganho de produtividade, visto que nos últimos 18 anos, o setor de transporte público por ônibus perdeu 30% da demanda, o equivalente a 60 milhões de passageiros por dia”, frisou.

Para o Coordenador do MDT, Nazareno Affonso, a prospota da NTU representa um avanço na qualificação do transporte por ônibus, visto que o governo hoje foca em projetos de mobilidade urbana estruturantes e de porte médio e grande. “O valor que está sendo proposto, para contribuição do governo federal, de R$ 5 bilhões, representa só 10% do valor anunciado pela presidenta Dilma Rousseff, de mais R$ 50 bilhões para a mobilidade urbana”, destacou Nazareno, durante a solenidade de lançamento da campanha. Para o secretário de Transportes do DF, José Wazquez Filho, a iniciativa da NTU chega em boa hora para o país. Vazquez, que já adota o sistema de faixas exclusivas no Distrito Federal, elogiou a medida e registrou benefícios das faixas já alcançados na capital da República. “Na Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB) já temos um ganho expressivo de tempo”, destacou o secretário e ressaltou os desafios de se melhorar o sistema de transporte público por ônibus para os gestores públicos.

Também presente ao evento de lançamento da campanha nacional da NTU, representando a Frente Nacional de Prefeitos (FNP), o coordenador do convênio Sebrae/FNP, Carlito Merss, reforçou a importância da iniciativa da NTU, com o lançamento da campanha, e relembrou os desafios que enfrentou para implantar medidas visando melhorar o transporte público, quando esteve à frente da prefeitura de Joinvelle (SC). Na mesma linha, o senador Acir Gurgacz (PDT/RO), elogiou a NTU pela proposta das faixas exclusivas e frisou a necessidade de engajamento do poder público nessa campanha.

No decorrer da solenidade, os convidados assistiram a dois vídeos publicitários das campanhas da NTU e do MDT. Outras peças publicitárias também foram exibidas, todas com enfoque no uso das faixas exclusivas como medida emergencial para trazer melhorias ao transporte público por ônibus.

Publicação –  Com 35 páginas e conteúdo ilustrado, a publicação “Faixas exclusivas de ônibus urbanos – experiências de sucesso” trazem um apanhado de boas iniciativas nessa linha sugerida pela NTU. Com informações técnicas sobre as vantagens do uso das faixas e com resultados significativos, de projetos adotados no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Goiânia. O material associa outros itens que recebem tratamento diferenciado nesse processo de qualificação do transporte urbano com o uso das faixas exclusivas. A publicação detalha melhorias em paradas de ônibus, em calçadas e no processo de informação ao usuário, discriminando rotas, horários e linhas disponíveis para cada trajeto. Na ocasião, a NTU informou que as prefeituras, nos 46 municípios, vão receber exemplares da publicação da NTU, para que assimilem bem a ideia.

As peças das campanhas publicitárias da NTU e do MDT estão disponíveis para download no portal da NTU (www.ntu.org.br).