A VB Transportes e Turismo, em reunião hoje pela manhã com diretores do Sindicato dos Rodoviários de Campinas e Região e da empresa de convênio médico Amil, decidiram suspender por 30 dias a coparticipação dos funcionários no pagamento do plano de saúde.

Durante esse período, o sindicato se comprometeu a conversar com a categoria para saber quais são as reivindicações que precisam ser atendidas, visto que anteriormente a categoria reivindicou um plano de saúde de abrangência nacional.

Essa proposta de suspensão será submetida à votação dos trabalhadores do setor ainda hoje pelo sindicato.