As empresas do transporte coletivo urbano de Campinas investem na instalação de GPS em sua frota para melhorar o serviço prestado aos passageiros. Desde novembro já foram instalados mais de 600 aparelhos em cada veículo. Até o final do ano, os 1.030 ônibus que compõem a frota vão estar integrados ao sistema de monitoramento.

Cada empresa também investe na criação de uma estação de monitoramento em sua sede. A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) também terá uma Central de Monitoramento para gerenciar os GPS dos coletivos.

As informações registradas no aparelho (velocidade, horários, parada nos pontos) são repassadas em tempo real para a central, permitindo o monitoramento on-line dos coletivos em telas de computadores e também a aplicação de ajustes das linhas.

Com isso, será possível identificar os pontos de gargalo, acidentes, roubos, locais onde existem problemas crônicos e grande demanda, além de trabalhar para evitar atrasos e otimizar o serviço nas diversas regiões de Campinas.

Futuramente, devem ser instalados painéis eletrônicos nos pontos de ônibus para informar o horário em que os ônibus vão passar. A Emdec também planeja a criação de um aplicativo para smartphones e tablets, chamado Embarque Acessível, que se comunicará com os GPS para informar o itinerário e os horários da linha de ônibus desejada, além de orientações sobre origem e destino das linhas, pontos e linhas de determinado destino, horário de chegada a determinado lugar e tempo de espera.